Reprodução
Reprodução

Nota do Milhão: sistema volta a funcionar, mas ainda pode apresentar lentidão

Segundo a Secretaria Municipal da Fazenda, acesso foi normalizado, mas grande número de usuários tentando usar o sistema pode causar instabilidade; não haverá penalização por atraso na emissão de notas durante período em que sistema ficou fora do ar

Redação, O Estado de S.Paulo

18 de novembro de 2021 | 17h10
Atualizado 19 de novembro de 2021 | 11h29

A plataforma Nota do Milhão, sistema de emissão de notas fiscais da Prefeitura de São Paulo, que ficou fora do ar por vários dias, voltou a permitir o acesso dos usuários nesta sexta-feira, 19. Segundo a Secretaria Municipal da Fazenda, até as 10h desta manhã já foram emitidas mais de 2,1 milhões de notas fiscais pelo sistema - a média diária é de cerca de 1 milhão. No entanto, o órgão alerta que ainda é possível que o sistema apresente lentidão, por conta de um grande número de acessos simultâneos.

A Secretaria afirmou também que, mesmo com a normalização, continua valendo a Portaria que determina que não haverá penalização por atraso na emissão de notas pelos contribuintes durante o período de instabilidade no sistema. "A Portaria prevê que os contribuintes que não conseguirem emitir a NFS-e no período de 03/11 a 25/11 poderão emitir um Recibo Provisório de Serviços (RPS), que poderá ser confeccionado ou impresso pelo próprio contribuinte. Estes recibos provisórios poderão ser convertidos em notas fiscais eletrônicas até o dia 06/12/2021", afirmou o órgão, em nota. 

"Os técnicos da Secretaria, da Prodam, empresa de tecnologia da cidade de São Paulo, e da Oracle, empresa detentora da tecnologia, seguem monitorando a situação para garantir o pleno funcionamento do sistema", completou. 

Fora do ar 

O site da Nota do Milhão ficou fora do ar por vários dias. Ao tentar realizar o login, usuários encontravam a seguinte mensagem: “O sistema de emissão da Nota Fiscal Eletrônica de Serviços está em manutenção para atualizações e passa por instabilidade. Contamos com sua compreensão.” O aplicativo da Nota do Milhão, disponível para Android e iOS, também não funcionava e apresentava mensagem dizendo que o sistema estava em manutenção. O novo aplicativo MEI Nota Fácil, lançado em outubro em versão Beta, apenas para Android, também exibia a mensagem. 

 

Procurada, a Secretária Municipal da Fazenda havia informado que a infraestrutura de banco de dados do sistema passou por manutenção no último fim de semana e começou a apresentar lentidão e instabilidade na segunda-feira, 15. Em relatos no Twitter, porém, prestadores de serviço reclamavam que não conseguiam emitir notas fiscais desde o último sábado, 13. 

 

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.