Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Nova classificação de fundos a partir de hoje

A partir de hoje entra em vigor a nova classificação da Associação Nacional dos Bancos de Investimento (Anbid) para os fundos disponíveis no mercado. A mudança tem como objetivo proporcionar maior transparência aos investidores para que a política de gestão dos recursos seja percebida com clareza pelo cotista, bem como o nível de risco da aplicação.Nessa nova classificação, os fundos devem pertencer a uma das quatro categorias criadas: fundos de investimento, fundos mútuos de privatização, fundos off-shore e fundos de previdência. Em análise subseqüente, os fundos são realocados em oito subclasses de acordo com a política de investimento e nível de risco: fundos referenciados, fundos de renda fixa, fundos balanceados, fundos multimercados, fundos de capital protegido, fundos de investimento no exterior, fundo de ações e fundo de investimento imobiliário.No entanto, essa mudança não terá efeito sobre a gestão dos recursos por parte das administradoras. É apenas uma alteração que deve facilitar a compreensão do tipo de aplicação levando-se em conta a política de investimento adotada pelo administrador e também o nível de risco do investimento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.