Nova tecnologia celular: vantagens para usuário

O Serviço Móvel Pessoal (SMP) é uma nova tecnologia que será utilizada no sistema de telefonia celular brasileiro. O SMP adotará a tecnologia utilizada na Europa - GSM (Global System Mobile) - e utilizará uma faixa de freqüência diferente das existentes atualmente. O SMP vem para competir com as atuais operadoras de celular do Serviço Móvel Celular (SMC). O diretor da Associação Nacional dos Prestadores de Serviço Móvel Celular (Acel), Luis Roberto Antonik, avalia que o novo serviço do sistema de telefonia celular tem uma regulamentação que oferece grandes vantagens ao consumidor. "O SMP tem regras que darão uma maior proteção ao usuário, principalmente com relação ao preço de tarifas e serviços", ressalta. Benefícios para o usuárioAntonik explica que, no novo sistema, o usuário que estiver em um Estado fora da área de sua operadora poderá escolher o serviço da operadora de ligações de longa distância que oferece a tarifa mais barata. "Atualmente são as operadoras da telefonia celular que acertam contratos com as prestadoras do serviço. No SMC, o usuário só pode ligar através do código da Embratel", explica. Outras medidas de proteção ao usuário serão o direito a conta detalhada sem cobrança de tarifa e o bloqueio de serviços tarifados que o usuário não for utilizar. Segundo o diretor da Acel, o SMP revolucionará o setor, que será marcado por uma grande concorrência entre as operadoras de telefonia celular. A tecnologia do novo sistema será igual à utilizada em toda a Europa. "Ela vai facilitar a vida do consumidor na hora de trocar de operadora. Na Europa, o usuário não precisa trocar de aparelho toda vez que troca a operadora, apenas cancela o contrato", explica Antonik. A tecnologia do SMP também permitirá que os aparelhos celulares tenham uma grande velocidade e capacidade de transmissão de imagens e dados. O consumidor poderá ter uma espécie de telefone que cabe na palma da mão, com uma tela de computador acoplando voz, dados e imagens. Segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a convergência tecnológica está cada vez mais presente, entre televisão, informática e telefonia. A expectativa é de que, em breve, o Brasil passe a contar com uma série de serviços integrados, com maior velocidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.