Novas encomendas da Transpetro somam US$ 5 bi

O presidente da Transpetro, Sérgio Machado, ressaltou hoje a "mudança de paradigma" que marcou a indústria naval brasileira com a encomenda da primeira fase de navios petroleiros da Transpetro e a consolidação do setor agora com as novas encomendas que estão sendo anunciadas hoje em Niterói, com a participação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. "Essas novas encomendas garantem a continuidade das obras e das atividades nos estaleiros, mantendo empregos e gerando renda", disse.Ele lembrou ainda que os petroleiros que estão sendo encomendados poderão reduzir a balança comercial que possui um déficit de US$ 10 bilhões com a utilização de navios estrangeiros. A nova encomenda de 23 novos navios prevê que todos sejam construídos no Brasil. Além deles, as 146 embarcações de apoio às plataformas terão entre 70% e 80% de conteúdo nacional. Essas encomendas estão avaliadas em torno de US$ 5 bilhões. Desse total, 24 já estão com as licitações prontas, segundo anunciou o presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, durante o evento em Niterói no início desta tarde.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.