Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Novas parcerias para distribuição de fundos

Neste mês, as parcerias entre as instituições financeiras para a distribuição de fundos estão a todo vapor. A Capital Administração de Recursos passou a vender fundos da ARX Capital Management, do ABN Amro e da Latinvest Asset Management.A ARX vai utilizar o canal de distribuição da Capital para oferecer ao público dois fundos abertos, o ARX Fia, de ações, e o ARX Hedge, que objetiva um retorno superior ao CDI. Já a associação com o ABN Amro visa à venda do fundo ABN AMRO FIF Rating, um investimento que reúne empresas com grau elevado de rating concedido pelas instituições classificadoras de risco. A nota precisa ser igual ou superior a BBB-, uma classificação considerada satisfatória pelos especialistas. O produto tem taxa de administração competitiva, de 0,50% ao ano, mas exige uma aplicação mínima de R$ 100 mil.A Capital também passou a distribuir o fundo Latinvest Allocation, um produto que investe o dinheiro em cotas de outros fundos. A aplicação inicial é de R$ 10 mil e a taxa de gestão, de 0,5% ao ano. Além disso, existe a cobrança de taxa de desempenho de 20% sobre o que exceder o rendimento do CDI.CanalA gestora de recursos Fama Investimentos associou-se à ClickInvest e o portal financeiro InvestShop à BNL Asset Management. Na primeira parceria, a ClickInvest ficou com a missão de vender fundos da Fama, que permanece com a distribuição também em sua rede.Na segunda associação, o site do InvestShop incluiu em sua lista de produtos o fundo BNL Finanziaro Cambial, em que é possível investir com valor a partir de R$ 500,00 e taxa anual de administração de 1%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.