Novas regras para seguro

O seguro de vida em regime de capitalização e os planos abertos de previdência podem aplicar as reservas técnicas em fundos de investimento exclusivo a partir de agora. A mudança foi aprovada pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) na terça-feira, através da resolução 2.733. "Isso deverá deslanchar muito o mercado de seguro de vida", prevê Hélio Portocarrero, titular da Superintendência de SegurosPrivados (Susep). Segundo Portocarrero, o mercado de seguro de vida americano cresceu muito por conta dessa mudança. O objetivo da resolução 2.733, explicou o titular da Susep, foi dar mais transparência às aplicações das reservas e também porque permite um diferimento fiscal. "Os fundos exclusivos não tem taxação dos ganhos de capital", lembrou Portocarrero.A outra mudança na área de seguro e capitalização aprovada pelo CMN foi a resolução 2.734, que dá a possibilidade de aplicar recursos em créditos securitizados do Tesouro Nacional. Assim, as empresas de seguro e de capitalização poderão comprar títulos que antes só eram permitidos para as carteiras das entidades fechadas de previdência.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.