Nove grupos entregam propostas para leilão de rodovias

Foi encerrado às 10 horas o prazo para entrega de propostas no leilão de rodovias do Estado de São Paulo. Nove grupos ou empresas se inscreveram para participar do processo. A primeira companhia foi a BR Vias, com propostas para Ayrton Senna/Carvalho Pinto e para os trechos Leste e Oeste da Marechal Rondon. O segundo foi o consócio formado pela Invepar e pela construtora OAS, para Raposo Tavares, trecho Oeste da Marechal Rondon e Ayrton Senna/Carvalho Pinto. O terceiro consórcio fez propostas para os trechos oeste e leste da Marechal Rondon e é formado por Cibe, em parceria com a empresa portuguesa Ascendi e a construtora Leão Leão, de Ribeirão Preto. A Cibe, sozinha, também fez proposta para a Ayrton Senna/Carvalho Pinto. O quarto grupo, AutoRondon, é formado por cinco construtoras mineiras - Enpa, Alicerce, Aterpa, Torc e Santa Bárbara - e apresentou propostas para o trecho oeste da Marechal Rondon. A quinta empresa, a CCR, apresentou proposta para Ayrton Senna/Carvalho Pinto. A Ecorodovias também se registrou para competir pela mesma estrada. A sétima a entregar a documentação foi a Triunfo Participações (TPI), a única a se apresentar para todas as estradas, o que inclui também a Dom Pedro I. O oitavo grupo é a Odebrecht, que entregou propostas para o trecho Oeste da Marechal Rondon e para Dom Pedro I. Outro consórcio, chamado Cegens, apresentou proposta também pelo trecho Oeste da Marechal Rondon. O grupo é formado pela Greca Asfaltos, EMS e pelas construtoras SA Paulista, Conter e Estrutura.

BETH MOREIRA, Agencia Estado

29 Outubro 2008 | 10h17

Mais conteúdo sobre:
rodovias leilão

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.