Novo piso salarial em SP começa a valer no dia 1º

Os novos valores do piso salarial regional no Estado de São Paulo passarão a valer nesta quinta-feira, Dia do Trabalho. O projeto de lei que reajustou as três faixas do piso para R$ 450, R$ 475 e R$ 505 (de R$ 410, R$ 450 e R$ 490, respectivamente), foi aprovado pela Assembléia Legislativa e sancionado pelo governador José Serra (PSDB) hoje. A lei será publicada no Diário Oficial do Estado amanhã. A primeira faixa sofreu o maior reajuste, de 9,76%, por abranger o maior conjunto de ocupações e de menor remuneração e qualificações, segundo a Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho. A segunda faixa teve aumento de 5,56%, e a terceira, de 3,06%. Estabelecido em agosto de 2007, o piso compreende 105 ocupações de trabalhadores da iniciativa privada e os que não contam com piso definido por lei federal, convenção ou acordo coletivo de trabalho. Estima-se que cerca de 1 milhão de pessoas tenham sido beneficiadas por ele em todo o Estado. O piso não atende servidores estaduais, cujo piso salarial é fixado em R$ 510.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.