Novos cortes de juros pelo BCE não podem ser descartados

Mais cortes de juros pelo Banco Central Europeu (BCE) não podem ser descartados, disse o membro do conselho da autoridade monetária e presidente do BC da Áustria, Ewald Nowotny, em entrevista à televisão. Nowotny disse que "você não pode descartar isso (cortes)", mas acrescentou que o BC não quer ser visto como pré-comprometido com possíveis reduções. Em entrevista à ZIB2, da Áustria, Nowotny acrescentou que a economia austríaca pode contrair-se em 1 por cento em 2009, dizendo ver sinais preocupantes na Alemanha, maior economia da zona do euro e maior parceiro comercial de seu país. "As novas informações que recebemos (desde as previsões feitas no início do mês) é de que a esperada desaceleração na Alemanha é claramente mais forte do que prevíamos."

REUTERS

24 Dezembro 2008 | 13h26

Mais conteúdo sobre:
MACRO BCE CORTES*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.