bolsa

E-Investidor: Itaúsa, Petrobras e Via Varejo são as ações queridinhas do brasileiro

Número de milionários brasileiros chega a 109 mil

Um estudo da Merrill Lynch publicado na terça-feira mostra que o número de pessoas no Brasil com mais de US$1 milhão (R$ 2,12 milhões) chegou a 109 mil em 2005. O número de milionários no país aumentou em 11,3%, em 2005, se comparado a 2004. Segundo o 10º Relatório sobre a Riqueza Global, o número de investidores que têm mais de US$ 1 milhão passou de 98 mil para 109 mil no período.O Brasil está entre os países onde o grupo de pessoas com mais de US$ 1 milhão, além de suas residências, teve o maior aumento. Coréia do Sul (21,3%), Índia (19,3%) e Rússia (17,4%) foram os países que tiveram os maiores índices. No mundo todo, a quantia de dinheiro em poder das pessoas dessa faixa atingiu os US$ 33,3 trilhões (R$ 70,7 trilhões), num acréscimo de 8,5% em relação ao ano anterior.Os Estados Unidos seguem como o país com a maior quantidade de milionários e também com o maior volume de dinheiro acumulado por essas pessoas. Contudo, pela primeira vez não conseguiram superar o crescimento do ano anterior, crescendo 6,8% em comparação aos 9,9% de 2003.O estudo também aponta que os patrimônios de ricos de continentes diferentes têm origens diversas. Na Europa e na América Latina, o maior volume de recursos está alocado na propriedade de negócios ou no dinheiro vindo da venda de companhias, enquanto nos Estados Unidos, a maior parte do montante vem de renda.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.