Reuters
Reuters

‘NYT’ alcança US$ 1 bi em receita com assinaturas

A empresa conseguiu 157 mil novas assinaturas digitais no quarto trimestre de 2017, o que ajudou a impulsionar os resultados financeiros

O Estado de S.Paulo

08 Fevereiro 2018 | 20h46

O jornal americano The New York Times revelou nesta quinta-feira, 8, que superou US$ 1 bilhão em receita com assinaturas em 2017. A empresa conseguiu 157 mil novas assinaturas digitais no quarto trimestre de 2017, o que ajudou a impulsionar os resultados financeiros.

No total, a receita do jornal em 2017 foi 8% maior que no ano anterior, chegando a US$ 1,7 bilhão. Considerando apenas o último trimestre do ano, a empresa teve alta de 10% no faturamento, em relação ao mesmo período de 2016.

No total, o The New York Times fechou 2017 com 2,6 milhões de assinantes digitais. O número de assinaturas somente da versão do jornal para a web cresceu 46% no ano passado, gerando receita de US$ 340 milhões à empresa.

++ ‘Los Angeles Times’ é vendido por US$ 500 milhões

Durante conferência de resultados, o presidente executivo do jornal, Mark Thompson, afirmou que a companhia está feliz com “a forte retenção” dos leitores que assinaram a publicação para ter acesso à cobertura da publicação das eleições americanas, em 2016.

A receita da companhia com publicidade digital aumentou 14% no ano passado, alcançando US$ 238 milhões. O faturamento nesse segmento cresceu 9% no último trimestre de 2017, chegando US$ 84 milhões – o valor representou 46% da receita de publicidade do jornal entre outubro e dezembro.

Mais conteúdo sobre:
The New York Times jornalismo imprensa

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.