Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Obama fica decepcionado com fracasso de ajuda a montadoras

Presidente eleito diz que compartilha frustração com má administração do setor, mas defende sua continuidade

Renato Martins, da Agência Estado,

12 de dezembro de 2008 | 14h48

O presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, disse estar decepcionado pelo fato de o Senado norte-americano não ter aprovado o pacote de socorro ao setor automobilístico. Ele afirmou esperar que o governo Bush e o Congresso possam encontrar uma forma de dar alívio financeiro temporário para as montadoras. Veja também:EUA estudam usar plano de US$ 700 bi para ajudar montadorasGM e Chrysler avaliam concordata após fracasso de pacoteFracassa reunião sobre montadoras nos EUA Ex-presidente da Nasdaq é preso por fraude bilionária nos EUADe olho nos sintomas da crise econômica Dicionário da crise Lições de 29Como o mundo reage à crise  "Estou decepcionado pelo fato de o Senado não ter alcançado um acordo para um plano de curto prazo para a indústria automotiva. Compartilho a frustração de muitos quanto às décadas de má administração dessa indústria, que contribuíram para chegarmos à crise atual. Essas más práticas não podem ser recompensadas, nem devem continuar", disse Obama em comunicado. "Cumprimento o Congresso, assim como a administração, que tentaram valentemente forjar um compromisso. Minha esperança é de que a administração e o congresso ainda possam encontrar uma maneira de dar à indústria a assistência temporária de que ela precisa, e exigir a reestruturação de longo prazo que é absolutamente necessária", disse o presidente eleito.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.