Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Obama quer discutir com rei saudita preço do petróleo

Na próxima quarta-feira, quando se reunir com o rei da Arábia Saudita, Abdullah bin Abdul Aziz, o presidente dos EUA, Barack Obama, pretende discutir a necessidade de diversificar as fontes de energia, argumentando que nenhum dos dois países é beneficiado pela volatilidade dos preços do petróleo. "Não acho que interessa a nós ou à Arábia Saudita uma situação em que a economia seja dependente ou constantemente abalada por grandes aumentos no preço da energia", disse Obama após reunião com o presidente da Autoridade Palestina, Mahmoud Abbas. Obama e Abdullah se reunirão em Riad durante viagem na qual o presidente americano visitará a Arábia Saudita, o Egito, a Alemanha e a França. "Nessas discussões, eu serei muito honesto com o rei Abdullah, indicando que não vamos eliminar nossa necessidade de petróleo no futuro imediato", disse. "Nosso objetivo deve ser avançar nas soluções de energia limpa que possam fortalecer nossa economia, colocar as pessoas de volta ao trabalho e diversificar nossas fontes de energia." O aumento nos preços do petróleo criou receios de que a recuperação americana seja sufocada pelo custo da energia.

Dow Jones Newswire, WASHINGTON, O Estadao de S.Paulo

29 de maio de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.