Obama vai sancionar pacote de estímulo na terça-feira

Aprovado na sexta, plano caminha para etapa final na Casa Branca; presidente diz que medida é 'grande marco'

Agências internacionais,

15 de fevereiro de 2009 | 09h44

O presidente dos EUA, Barack Obama, vai sancionar o pacote de estímulo econômico de US$ 787 bilhões na terça-feira em Denver, no Colorado, segundo informaram autoridades norte-americanas no sábado, 14. O pacote foi aprovado na noite de sexta-feira no Senado e visa combater a crise econômica e financeira. A aprovação representou a primeira grande vitória de Obama no Congresso menos de um mês depois de assumir o cargo.   Veja também: Entenda o novo plano dos EUA para resgatar bancos De olho nos sintomas da crise econômica  Dicionário da crise  Lições de 29 Como o mundo reage à crise   Obama descreveu a aprovação do pacote como "um grande marco no nosso caminho para a recuperação". "Eu vou sancionar o pacote e transformá-lo em lei em pouco tempo e nós vamos começar a fazer os investimentos necessários para colocar as pessoas para trabalhar e fazer o que a América precisa que seja feito", afirmou Obama em seu depoimento semanal no rádio e na internet.   Entretanto, Obama alertou para a gravidade da crise. "Os problemas que nos trouxeram para essa crise são amplos e profundos e a nossa resposta deve estar à altura da tarefa", apontou.

Tudo o que sabemos sobre:
crise financeiraEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.