OCDE prevê expansão de 4,7% para o Brasil

A Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE) disse ontem que o Brasil deve continuar se expandindo num ritmo forte nos próximos dois anos, mas demonstrou preocupação com os crescentes gastos públicos do País. Em seu relatório semestral Economic Outlook, no qual avalia as perspectivas da economia mundial, a entidade prevê que o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro crescerá 4,7% neste ano e 4,5% em 2008 e 2009. {HEADLINE}

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.