OMC retomará negociações pela agricultura

A Organização Mundial do Comércio (OMC) estabeleceu hoje que irá retomar as negociações que fracassaram em Cancún, há um mês, pelo tema mais polêmico: a agricultura. Reunidos em Genebra, os 147 países da entidade máxima do comércio foram informados pelo diretor da OMC, Supachai Panitchpakdi, que a agenda de negociações incluirá também produtos industriais, investimentos e concorrência. Os países terão até o dia 15 de dezembro para chegarem a algum entendimento. "Todos ainda estão comprometidos com o sistema multilateral de comércio", garantiu Supachai. A princípio, a agenda foi bem recebida pelo governo brasileiro e pelos demais países em desenvolvimento. "É a única agenda possível", afirmou um funcionário do Itamaraty. No entanto, o grupo formado por Brasil, Índia e China, que chegou a ter 22 países em Cancun, não se pronunciou durante a reunião. Mas o que ficou confirmado foi a saída do Equador do grupo, que ficou reduzido para 17 membros.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.