OMC sugere que não seja criada nova regra para câmbio

O presidente da Organização Mundial do Comércio (OMC), Pascal Lamy, disse não estar ciente de qualquer sinal de que as discussões entre os países membros relacionadas ao câmbio irão resultar em novas regras ou novos sistemas, publicou o jornal chinês 21º Century Business Herald neste sábado.

CYNTHIA DECLOEDT, Agencia Estado

26 de novembro de 2011 | 11h01

Em setembro, o Brasil levantou a questão sobre o câmbio na OMC, dizendo que os mecanismos existentes para lidar com distorções na concorrência comercial não são suficientes para fazer frente as fortes variações das taxas de câmbio que têm ocorridos nos meses e anos recentes.

A OMC, a pedido do Brasil, concordou em discutir nos próximos meses se as regras internacionais de comércio podem ser utilizadas para punir governos que manipulam suas moedas. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
OMCguerra cambial

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.