Ônibus mais caro do mundo já está à venda por R$ 4,7 milhões

Palácio móvel lançado na Áustria tem suíte com piso aquecido, churrasqueira e bar com teto conversível

11 de junho de 2013 | 09h21

VIENA - O ônibus mais caro e luxuoso do mundo, criado pela companhia austríaca Marchi Mobile, custa US$ 2,2 milhões, o equivalente a R$ 4,7 milhões.

A mansão sobre rodas chamada EleMMent Palazzo, mede 12,2 metros de comprimento e tem todo o conforto que alguém muito exigente, e rico, pode desejar.

O ônibus é uma evolução do trailer, antigo sonho das pessoas que gostam de fazer longas viagens por terra. A diferença é que o palácio sobre rodas tem suíte master, piso aquecido, lareira e um terraço no teto com cobertura conversível.

Para quem achou pouco, o ônibus tem também churrasqueira, escada com tapete vermelho e até uma iluminação externa em luzes neon, para realçar o design que imita um iate. O luxo móvel vem nas cores branco ou dourado.

O veículo foi projetado para empresários que viajam muito a trabalho, famílias em férias ou grupos artísticos em longas turnês. Mas quem gostou mesmo foram os milionários árabes, que adoraram o brinquedo à venda em Dubai.

Tudo o que sabemos sobre:
ônibustrailerluxopalácio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.