ONS alerta para risco de racionamento de energia em 2007

O diretor geral do Operador Nacional do Sistema (ONS), Mário Santos alertou há pouco para o risco crescente de um racionamento a partir do ano de 2007. Segundo ele, é preciso aproveitar a "bolha" de abundância hídrica que o país vive no momento para se preparar adequadamente com novos investimentos para evitar o risco de apagão. "Dia de muito é véspera de pouco", citou.Ele lembra que 96% dos 9.770 MW previstos para a expansão da geração no país devem entrar em operação até 2006. "é preciso ter novos investimentos já programados para além deste período e também garantir que este volume deexpansão não sofrerá atrasos".Futuros aumentosMário Santos foi categórico há pouco ao afirmar que a tarifa de energia elétrica tende a aumentar no longo prazo. "É preciso estar ciente de que elevar os níveis de qualidade, confiabilidade e segurança do sistema tem custos associados e cabe ao Poder Concedente expor à sociedade esses custos e os reflexos tarifários envolvidos", argumentou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.