Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Opep diz que corte de produção será discutido em junho

A Opep deverá discutir todas as possibilidades, incluindo corte de produção, no encontro de 11 de junho que será realizado no Catar, informou o presidente do grupo, Abdullah Al-Attiyah. O presidente não comentou o montante da produção do cartel que eventualmente seria reduzido. Al-Attiyah, a caminho da Rússia, destacou ainda que a Opep não pode agir sozinha e que necessita do apoio de países produtores fora do grupo.A Rússia tem enviado sinais ultimamente de que deseja, junto aos demais grandes produtores fora da Opep, a cooperar com o grupo. Segundo uma fonte da Opep, a Rússia, Noruega, Angola, Oman, Síria, México e Egito foram convidados a participar da reunião de junho. A Noruega rejeitou o convite.

Agencia Estado,

12 de maio de 2003 | 10h15

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.