Opep eleva previsão de demanda por petróleo em 2010

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) afirmou hoje que revisou para cima sua projeção para a demanda de petróleo no mundo em 2010, em mais 70 mil barris por dia. A revisão ocorreu por causa de previsões de crescimento econômico global maior que o antecipado, particularmente em países como Índia e China. O grupo de produtores que reúne 12 nações afirmou, em seu relatório mensal sobre o mercado do petróleo, que "2009 foi um dos piores anos para a demanda mundial por petróleo, mas 2010 deve registrar um aumento na demanda mundial por petróleo em 800 mil barris por dia, após uma revisão para cima de aproximadamente 70 mil barris diários do levantamento anterior".

GABRIEL BUENO, Agencia Estado

15 de dezembro de 2009 | 11h17

Os países que não fazem parte da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) devem ser responsáveis por todo o aumento. O motivo é a demorada recuperação no consumo doméstico entre os países da OCDE, entre eles os Estados Unidos, e a fragilidade do setor bancário, que ainda parece precisar do apoio do governo, nota o relatório. A Opep afirmou que prevê um crescimento da economia mundial de 2,9% em 2010, após contração de 1,1% estimada para este ano, com a maioria do crescimento registrado em países em desenvolvimento da Ásia.

"Ainda que seja esperado que a OCDE agora cresça 1,3% em 2010, a maior parte do crescimento no ano que vem virá de países de fora da OCDE, com expectativa de que China e Índia cresçam 8,5% e 6,5%, respectivamente", afirma a entidade. O fornecimento de petróleo para países de fora da OCDE deve crescer em 500 mil barris por dia em 2009, para 50,96 milhões de barris por dia, após uma revisão para cima de 100 mil barris diários na expectativa divulgada em novembro. Os principais responsáveis por essa revisão são EUA, Canadá, Rússia, Azerbaijão e Casaquistão.

Em 2010, o suprimento de petróleo de fora da Opep deve aumentar em 300 mil barris diários, em comparação com o ano atual. Esse suprimento deve subir para uma média de 51,27 milhões de barris por dia, com a maioria da produção vindo de Brasil, Azerbaijão, Casaquistão, Colômbia e EUA.

A demanda por petróleo da Opep em 2009 deve ficar em uma média de 28,6 milhões de barris diários, após uma revisão para baixo de 70 mil barris diários do levantamento anterior, para registrar um declínio de 2,3 milhões de barris por dia em comparação com o ano passado. Em 2010, a demanda pelo petróleo da Opep deve ficar em média em 28,6 milhões de barris diários, uma revisão para cima de aproximadamente 100 mil barris diários, comparando-se com a previsão do mês anterior, e representando um leve aumento de 30 mil barris por dia. Segundo o relatório, a produção total da Opep subiu um pouco, 50 mil barris diários, para 29,08 milhões de barris por dia, em novembro, ante 29,03 milhões a cada dia de outubro. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
petróleoOpepprevisão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.