Opep pode cancelar encontro e elevar automaticamente produção

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) pode cancelar o encontro agendado para 21 de julho e implementar automaticamente o plano de aumentar a produção conjunta do grupo em 500 mil barris por dia, a partir de 1º de agosto. A informação sobre o cancelamento foi dada pelo representante do Irã na Opep, Hossein Kazempour Ardebili, mas uma autoridade da Opep informou que ainda não havia confirmação oficial da suspensão do encontro.Um porta-voz do secretariado da Opep disse que, com o acordo de aumento de 500 mil barris da cota de produção, não havia mais nada para ser discutido no encontro de 21 de julho. Alguns delegados tinham manifestado dúvidas sobre o aumento da produção, que elevaria o teto atual do cartel de 25,5 milhões barris por dia para 26 milhões de barris por dia. Mas com o petróleo acima de US$ 40,00 o barril na New York Mercantile Exchange, fontes da Opep afirmaram que todos os membros estão de acordo com o aumento da produção. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.