Operação Cevada prende cinco em Pernambuco

A Polícia Federal prendeu cinco pessoas nesta quarta-feira, dentro da Operação Cevada, consideradas "laranjas" do esquema ilegal. Eles figuram como diretores das empresas investigadas no Estado - a Disbetil - Distribuidora de Bebidas Timbaubense e Subeal - Surubim Bebidas e Alimentos, ambas localizadas em Timbaúba, na zona da mata norte.Foram presos: Eduardo José Lins Belém e João Severino dos Santos, no município metropolitano de Jaboatão dos Guararapes; Irlândia de Lemos Oliveira e João Rodrigues da Silva Júnior, em Timbaúba; e João Rosendo de Oliveira, em Serra Talhada, no sertão. Outros dois pernambucanos com mandado de prisão, o empresário Marinaldo Rosendo de Albuquerque - apontado como cabeça da organização no Estado - e Luiz Carlos Alves Soares, foram presos na cidade de São Paulo.Também foram apreendidos computadores, documentos e produtos sem nota fiscal encontrados nas duas distribuidoras.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.