Operadora de telefonia Vivo entra no mercado com megacampanha

A Vivo, maior operadora de telefonia móvel do País, com mais de 17 milhões de clientes, marcou hoje sua entrada no mercado com uma megaoperação de marketing, que envolveu 10 mil pessoas, ao custo de R$ 20 milhões, e foi exibida em comerciais de TV, ao vivo - num primeiro trocadilho com o nome da empresa. As seis operadoras engolidas pela joint venture entre Portugal Telecom e Telefónica Móviles - Telesp Celular, Telefônica Celular, Telebahia Celular, Global Telecom, Telergipe Celular, TCO Celular e NBT - conseguiram, em 24 horas, trocar a identidade visual de 660 pontos-de-venda, além de 1.500 outdoors e peças de mídia exterior. E ainda houve tempo para comemorar o resultado em 20 festas simultâneas nas capitais cobertas pela nova operadora."O principal objetivo disso tudo é orientar os clientes sobre a mudança no nome de sua operadora, de forma didática, além de ressaltar as características da nova operadora, como a imensa cobertura e a avançada tecnologia CDMA", explicou o diretor de Comunicação e Marketing da Vivo, Hugo Janeba.O executivo calcula que, só nas ações do primeiro dia do lançamento, já tenha sido gasta a metade dos R$ 40 milhões da verba total de lançamento da nova empresa. "Até o fim do mês teremos terminado de mudar a identidade visual dos 6 mil pontos-de-venda da marca, além de lançar outras promoções para a imensa comunidade que formamos."Para as festas de lançamento foi reunido um elenco de artistas que incluiu nomes como o de Caetano Veloso, em São Paulo, Milton Nascimento, no Rio, Ivete Sangalo, em Brasília, Margareth Menezes, em Salvador, e Jota Quest, em Curitiba, entre muitos outros. Flashes ao vivo das comemorações também foram exibidos na TV. "Entramos para a história da televisão brasileira com esse tipo de comercial", afirmou.A primeira novidade para os assinantes é o preço das ligações entre os celulares Vivo, que equivalerá ao da chamada local desde que os aparelhos estejam em qualquer área coberta pela operadora. A promoção é válida até o fim deste mês.AmbiçãoCom seus mais de 17 milhões de clientes e presença em 19 Estados e no Distrito Federal, a Vivo já nasceu como a maior operadora da América do Sul e com a ambição de se tornar a maior da América Latina, ultrapassando a mexicana América Móvil, que tem mais de 30 milhões de assinantes.A primeira façanha da Vivo se tornou possível graças à aprovação da Anatel, esta semana, para a inclusão da Tele Centro Oeste (TCO) Celular na nova operadora. A TCO foi comprada em janeiro pela joint venture.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.