Operadoras de telefonia lançam pré-pagos fixos

As operadoras de telefonia fixa do país estão lançando seus aparelhos pré-pagos. As empresas Vésper, Brasil Telecom e Sercomtel já lançaram seus sistemas pré-pagos. As empresas Telemar e Telefônica também estão estudando entrar neste mercado em breve. Novidade no Brasil, o sistema pré-pago da telefonia fixa funciona da mesma maneira do sistema utilizado na telefonia celular. O consumidor habilita o aparelho e compra créditos que variam de R$ 15,00 a R$ 99,00 e valem por até 140 dias.A Vésper foi a pioneira no sistema e lançou seu aparelho em novembro do ano passado. Conhecido como Vésper Portátil, o pré-pago fixo da empresa custa R$ 259,00. Ao adquirir o aparelho, o consumidor tem direito a ligações locais gratuitas durante o período de um mês e crédito de R$ 40,00 para ligações locais para celulares e interurbanas. No pré-pago fixo da Vésper, o consumidor pode carregar com cartões de R$ 59,00 e R$ 99,00, ambos válidos por 30 dias. O prazo para recarga é de 180 dias, após este período o serviço é cancelado. Os cartões podem ser adquiridos em casa lotéricas. O serviço está disponível nos 17 Estados atendidos pela operadora.SercomtelA Sercomtel, operadora de telefonia fixa da região de Londrina, Interior do Paraná, lançou o telefone pré-pago fixo no último dia 25 de janeiro. O sistema é similar ao utilizado na telefonia celular. Para habilitar o serviço, o consumidor se dirige a uma das lojas da operadora preenche um cadastro e paga uma taxa de habilitação de R$ 20,00. Os clientes da Sercomtel poderão adquirir cartões com créditos de R$ 20,00, R$ 35,00 e R$ 50,00. Os cartões podem ser comprados na lojas da operadora, além de farmácias, postos de gasolina e bancas de jornal. O sistema da Sercomtel funciona em aparelhos convencionais e o prazo para recarregar o aparelho é de 45 dias, sendo que os valores dos créditos são válidos por 30 dias. Se o consumidor ficar 90 dias sem habilitar créditos em seu aparelho, o serviço é cancelado. As tarifas para ligações locais para outro telefone fixo são de R$ 0,12, o minuto de segunda à sexta e sábado até às 14 horas, e de R$ 0,06, aos sábados após ás 14 horas, domingos e feriados. Nas ligações locais para celular, o minuto custa R$ 0,46 de segunda a sábado das 7 horas às 20h59min, e R$ 0,32 de segunda a sábado das 21 horas às 6h59min, domingos e feriados. Nas ligações interurbanas, o consumidor paga R$ 0,30, o minuto, para as ligações efetuadas para dentro do estado do Paraná, e R$ 0,43 para as chamadas destinadas a outros estados. Brasil TelecomO projeto do telefone pré-pago fixo da Brasil Telecom está funcionando desde da primeira semana de fevereiro na região de Brasília. O sistema também é similar ao pré-pago utilizado na telefonia celular. O cliente não paga nada de habilitação de seu telefone e pode adquirir cartões com créditos de R$ 15,00, R$ 30,00 e R$ 60,00 válidos, respectivamente, por 30, 70 e 140 dias. Os cartões podem ser adquiridos nas agências dos Correios.A expectativa da operadora é conquistar 160 mil usuários pré-pagos até o final do ano. As tarifas das ligações locais para telefones fixos é de R$ 0,36, por dois minutos. Já para as ligações para celular a tarifa é de R$ 1,36, por dois minutos.Telemar e Telefônica estudam lançamentosAs empresas Telemar e Telefônica informaram, através de suas assessorias de imprensa, que estão realizando estudos para implantar o projeto de pré-pago na telefonia fixa. A Telemar está esperando a validação da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) para definir o formato do produto e não tem previsão para o lançamento do projeto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.