Operários da usina de Belo Monte entram em greve

Após um acidente de trabalho que matou o operador de motosserras Orlando Rodrigues Lopes, os cerca de cinco mil trabalhadores do Consórcio construtor da usina de Belo Monte entraram em greve ontem. O movimento começou pela manhã, quando os trabalhadores bloquearam a saída dos ônibus do perímetro urbano de Altamira para o canteiro de obras Vitória do Xingu. Os trabalhadores reclamam de descontos nos salários e das condições de trabalho. O consórcio não comentou./ FÁTIMA LESSA, ESPECIAL PARA O ESTADO

O Estado de S.Paulo

30 de março de 2012 | 03h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.