Otimismo da indústria de materiais de construção continua forte em setembro

Uma pesquisa realizada entre os associados da Abramat apontou que 92% do total consultado avaliou o desempenho vendas internas de setembro como bom ou muito bom

Agência Estado,

22 de setembro de 2010 | 15h52

As indústrias de materiais de construção estão otimistas em relação ao fechamento das vendas internas de setembro, de acordo com levantamento da Associação Brasileira da indústria de Materiais de Construção (Abramat). O Termômetro Abramat, pesquisa realizada entre os associados da entidade, apontou que 92% do total consultado avaliou esse desempenho como bom e muito bom, ante 87% informada no mês anterior. Para outubro, 95% das empresas estão otimistas quanto ao fechamento das vendas internas.

O nível de expectativa regular se manteve em 8% entre agosto e setembro, recuando para 5% em outubro, enquanto o pessimismo caiu de 5% em agosto para zero neste mês e no próximo. No critério ações do governo para o setor da construção nos próximos 12 meses, a parcela otimista da indústria recuou de 74% em agosto para 72% este mês.

Ao mesmo tempo, a pretensão de investimentos nos próximos 12 meses caiu de 79% das indústrias no mês passado para 78% este mês. Em setembro do ano passado, a pretensão era de apenas 47%. Já o nível médio de utilização da capacidade instalada avançou para 88%, após permanecer em 87% por seis meses consecutivos. De acordo com a entidade, a estabilidade que vem sendo observada desde março, mesmo com o ligeiro aumento informado este mês, indica que os investimentos em expansão de capacidade estão sendo suficientes para atender ao crescimento de demanda observado no período.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.