PAC é 'vacina' contra turbulência externa, diz Dilma

Segundo ministra chefe da Casa Civil, programa 'acelera a demanda interna, protegendo e imunizando o País'

Leonardo Goy, da Agência Estado,

22 de janeiro de 2008 | 15h28

A ministra chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, disse nesta terça-feira, 22, que o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) é "uma vacina" contra a turbulência externa que se está desenhando por causa crise das hipotecas nos Estados Unidos. "O PAC acelera a demanda interna, protegendo e imunizando o País", disse a ministra. Veja também: Fed anuncia corte emergencial em juro dos EUA, para 3,5% Turbulência nos mercados: entenda o nervosismo de hoje  Celso Ming comenta a crise no mercado financeiro  Mercados têm reação positiva ao corte do juro nos EUA   Os efeitos da crise do setor imobiliário dos EUA     Em entrevista coletiva, ela voltou a falar sobre o uso do Gás Natural Veicular (GNV). Afirmou fazer a conversão de um veículo a gasolina para uso de GNV não é uma temeridade se o motorista estiver consciente de utilizará ou gás ou gasolina: "Se ele achar que vai usar apenas um combustível, ele estará equivocado se pensar que vai usar apenas um combustível."

Mais conteúdo sobre:
PACRecessão nos EUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.