País cria 246.695 empregos formais em novembro

O resultado de novembro do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho registrou novo recorde para meses de novembro, com 246.695 novos postos de trabalho formal no mês passado. Segundo o ministério, esse saldo é praticamente o dobro do recorde anterior, em novembro de 2007, quando foram criadas 124.554 vagas. O resultado de novembro também é o segundo maior do ano, superado apenas pelo número de setembro, quando foram abertos 252.617 empregos formais.

RENATA VERÍSSIMO, Agencia Estado

16 de dezembro de 2009 | 12h08

No acumulado de janeiro a novembro, pelos dados do Caged, foram criados 1.410.302 postos. No acumulado dos últimos 12 meses encerrados em novembro, o número de novas contratações atingiu 755.356.

Os setores de comércio, serviços e indústria de transformação e construção civil lideraram a abertura de vagas. O setor de comércio criou 116.571 postos de trabalho em novembro, enquanto o de serviços foi responsável pela contratação de 87.252 novos empregados. A indústria de transformação gerou 39.594 vagas e a construção civil 17.791 postos. Em função do período de entressafra, a agropecuária fechou 16.628 vagas em novembro.

Tudo o que sabemos sobre:
empregoCaged

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.