Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

País deve ter investimento de US$ 2 trilhões até 2014, diz Coutinho

Com isso, a taxa de investimento em relação ao PIB pode atingir 23% em 2014

Ricardo Leopoldo, da Agência Estado,

22 de fevereiro de 2011 | 11h02

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, disse nesta terça-feira, 22, que o Brasil deve ter um total de cerca de US$ 2 trilhões em investimentos entre 2011 e 2014. Esse valor foi citado após Coutinho ter falado, em palestra do primeiro Fórum do Mercado de Capitais Brasil-China, promovido pela BM&FBovespa, que os investimentos no País, alavancados por recursos do BNDES ao setor privado, poderiam representar um montante de US$ 1 trilhão.

"Como o BNDES consegue mapear 50% do montante total, que foi um número de US$ 1 trilhão, ao se multiplicar por dois pode-se chegar ao número de US$ 2 trilhões neste período de quatro anos", explicou Coutinho. Com o montante de US$ 2 trilhões de Formação Bruta de Capital Fixo (investimentos) no País, é possível que a taxa de investimento em relação ao Produto Interno Bruto (PIB) atinja 23% em 2014.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.