País entra na era digital, mas ainda sem interatividade

A TV digital brasileira deve estrear incompleta no próximo domingo. As emissoras vão transmitir o sinal móvel, para celulares e televisores portáteis, mas os fabricantes ainda não conseguiram colocar no mercado telefones móveis que funcionem nas redes das operadoras brasileiras e recebam a transmissão de TV aberta. Os modelos do Japão, origem do padrão adotado no Brasil, sintonizam a TV daqui, mas não conseguem fazer chamadas. Os conversores e os televisores lançados até agora vêm sem o Ginga, software que permitirá serviços interativos, parecidos com a internet.

O Estadao de S.Paulo

24 de novembro de 2007 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.