Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

País precisa restaurar 15% da malha rodoviária por ano, diz Abdib

As empresas do setor de infra-estrutura calculam que, de 2007 até 2010, será necessário restaurar, a cada ano, o equivalente a 15% da malha rodoviária federal pavimentada, que tem cerca de 55 mil quilômetros. Além disso, será necessário implementar serviços de conservação em todas as estradas federais do país, e pavimentar ou construir 500 quilômetros novos por ano.Segundo estudo da Associação Brasileira da Infra-Estrutura e Indústrias de Base (Abdib), essas são algumas obras necessárias para que o setor de transportes do País possa reduzir significativamente o ônus que causa, hoje, à competitividade dos produtos brasileiros.A precariedade das rodovias, que causa acidentes, perdas de mercadorias e atrasos, é freqüentemente apontada por empresários como um dos gargalos à competitividade das exportações brasileiras. De acordo com a Abdib, o custo da logística no Brasil representa 20% do Produto Interno Bruto (PIB), enquanto nos Estados Unidos soma apenas 8,3% do PIB.O documento da Abdib, que está sendo utilizado pela entidade em debates com candidatos, estima que, ao todo, o setor de infra-estrutura do País precisará receber investimentos anuais de R$ 87,7 bilhões por ano, o equivalente a 4,5% do Produto Interno Bruto (PIB) do ano passado. Desse volume, R$ 16,8 bilhões anuais teriam de ser destinados à área de transportes. Com esse volume de recursos, o Brasil poderá ter em cinco anos, por exemplo, um sistema de portos modernizado e ampliado. A Abdib estima que com esse dinheiro é possível também instalar mais 18 mil quilômetros de hidrovias no País, além das obras em rodovias e ferrovias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.