Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

País tem entrada de US$ 10,489 bi no mês até dia 16

O fluxo cambial registrou ingresso líquido de US$ 10,489 bilhões no acumulado de outubro até a última sexta-feira (dia 16). O valor foi divulgado hoje pelo Banco Central (BC) e é superior ao observado em igual período de outubro de 2008, quando o Brasil havia perdido US$ 2,228 bilhões. Segundo o BC, o ingresso de dólares em outubro de 2009 até o dia 16 é liderado pelo segmento financeiro, que acumulou saldo líquido positivo de US$ 9,910 bilhões neste período. Nessa conta, são incluídos os movimentos de estrangeiros que ingressam no País para compra de ações e títulos, investimentos produtivos e remessa de lucros, entre outras transações. No período, a conta financeira acumulou ingressos totais de US$ 25,495 bilhões e saída de US$ 15,585 bilhões.

FERNANDO NAKAGAWA, Agencia Estado

21 de outubro de 2009 | 13h06

Na conta comercial, o período acumulado dos 16 primeiros dias de outubro teve superávit de US$ 579 milhões. Nesse caso, as exportações somaram US$ 6,469 bilhões e as importações totalizaram US$ 5,890 bilhões. No acumulado de 2009 até a sexta-feira passada, o fluxo cambial tem saldo positivo de US$ 18,746 bilhões, resultado da contribuição positiva de US$ 10,059 bilhões do segmento financeiro e de US$ 8,687 bilhões do comércio exterior. Em igual período de 2008, o fluxo cambial registrava ingresso líquido de US$ 14,960 bilhões.

Na terceira semana do mês, o fluxo cambial apresentou forte alta na comparação com o início de outubro. Em apenas quatro dias úteis, o País recebeu US$ 6,764 bilhões, o correspondente a 64% de todo o fluxo cambial do mês. Na média diária, o Brasil recebeu US$ 1,691 bilhão na semana passada. O valor é muito superior à média registrada nas duas semanas anteriores deste mês, quando o ingresso diário na média era de US$ 532 milhões. Os dados mostram forte entrada de capital externo para o País nos dias que antecederam a taxação de recursos estrangeiros, anunciada na última segunda-feira e antecipada pela Agência Estado na quinta-feira passada.

Segundo o BC, a entrada de dólares na semana passada foi liderada pelo segmento financeiro, responsável por US$ 5,642 bilhões. Esse valor foi resultado de ingressos de US$ 12,148 bilhões e saídas de US$ 6,506 bilhões. No comércio exterior, a semana teve saldo positivo de US$ 1,123 bilhão, gerado por exportações de US$ 3,382 bilhões e importações de US$ 2,259 bilhões. Entre os dias da semana passada, a terça-feira foi a que registrou maior ingresso de dólares, com fluxo cambial positivo de US$ 4,102 bilhões.

Tudo o que sabemos sobre:
câmbioBCfluxo cambial

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.