Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Países da zona do euro têm de fazer forte esforço individual e coletivo, diz Trichet

O presidente do BCE pediu que ‘todos que assumam sua própria responsabilidade’

Danielle Chaves, da Agência Estado,

20 de dezembro de 2010 | 09h06

PARIS - Os países da zona do euro precisam fazer um forte esforço individual, bem como um esforço coletivo, para lidar com a crise de dívida da Europa, afirmou o presidente do Banco Central Europeu (BCE), Jean-Claude Trichet.

"Nós estamos pedindo a todos que assumam sua própria responsabilidade. Isso significa fazer mais individualmente e coletivamente nessa séria crise", disse Trichet à rádio Europe 1.

A autoridade destacou que o euro é uma moeda confiável e que a crise atual deve ser atribuída a países que não gerenciaram seu orçamento, e não a uma crise da moeda. "O problema é de estabilidade financeira, causada por alguns países que não administraram seu orçamento como deviam", disse. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
trichetzona do euroesforçocrise

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.