Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Países desenvolvidos têm menos idosos trabalhando

Um estudo realizado pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) indica que, quanto mais desenvolvido são os países, menor é a proporção dos idosos que trabalham.Segundo a pesquisa, em 2000, 29% das pessoas com mais de 55 anos na América Latina trabalhavam ainda. Na África, essa proporção era de 47,1%, enquanto na Europa a taxa era de apenas 21%.A OIT mostra que, até 2020, os países em desenvolvimento conseguirão reduzir a proporção dos idosos que continuam trabalhando, mas apenas de forma tímida.Em 15 anos, a América Latina terá 25% de sua população com mais de 55 anos trabalhando. No continente africano, 39% desse grupo da população ainda estará trabalhando, contra 29% na Ásia. Já na Europa, a proporção será de apenas 19%."Enquanto na maioria dos países em desenvolvimento as atividades econômicas são reduzidas com a idade, elas raramente chegam aos mesmos níveis dos países desenvolvidos", afirma o estudo.Segundo a OIT, a maioria dos trabalhadores idosos dos países em desenvolvimento estão na zona rural e são pessoas que não têm direito a pensões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.