Palocci acredita em aprovação da tributária em 2003

O ministro da Fazenda, Antonio Palocci, mostrou-se mais uma vez confiante na aprovação da reforma tributária ainda em 2003. Para o ministro, é natural os debates e conflitos entre parlamentares da base do governo e da oposição no Congresso Nacional. "A Casa legislativa é a casa da polêmica", argumentou Palocci, durante entrevista ao programa Bom Dia, Brasil, da TV Globo. O ministro insistiu que a diferença de opinião não impedirá os parlamentares de chegarem a um acordo sobre a proposta de reforma. Na avaliação de Palocci, o Congresso tem mostrado um forte compromisso na aprovação das reformas. "São elas que estão ajudando a arrumar a economia", argumentou. Palocci deixou claro que o governo considera importante o diálogo com a oposição. "É importante que o governo dialogue com a oposição. Estamos sempre à disposição", disse o ministro, destacando que nas próximas semanas ele deverá voltar ao Congresso para discutir com os parlamentares, dessa vez sobre o novo acordo com o FMI.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.