Palocci brinca com tensão pré-Copom e fala em baixa do juro

O ministro da Fazenda, Antonio Palocci, reiterou hoje que há uma "tendência natural" para a queda das taxas de juros, mas disse não poder prever o resultado da reunião do Copom, na próxima semana. Questionado sobre rumores de que os juros cairão 1,5 ponto porcentual, Palocci reagiu com bom humor. "Já está começando a TPC, tensão pré-Copom", disse o ministro, antes de embarcar para o Brasil, na comitiva do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Agencia Estado,

16 Julho 2003 | 14h37

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.