Palocci diz que espera redução da Selic na reunião do Copom

O ministro da Fazenda, Antonio Palocci, disse que espera uma redução da Selic, a taxa básica de juros da economia, na reunião desta semana do Comitê de Política Monetária (Copom). "Espero que sim. A decisão que cabe ao governo é estabelecer metas. E o governo já tomou essa decisão na meta de inflação do ano que vem", afirmou o ministro, referindo-se à política de redução dos juros. Ele ressaltou que na medida em que o comportamento dos indicadores for favorável, os juros cairão naturalmente, e destacou que a decisão de redução dos juros é técnica e de responsabilidade do Copom. "Vamos trabalhar para que ao longo do tempo Brasil tenha juros menores", disse Palocci, ressaltando que a política econômica do governo é garantir o crescimento, juros menores e mais investimentos."Este ano tudo evoluiu de maneira favorável para que os juros pudessem cair e o Brasil iniciar um processo de crescimento econômico", disse o ministro, pouco antes do lançamento do Programa de Transferência de Renda, no Palácio do Planalto. Ele observou, no entanto, que não comenta decisões do Copom.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.