carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Palocci promete que estudará tabela de IR e marca nova reunião

O ministro da Fazenda, Antonio Palocci, prometeu a um grupo de sindicalistas que estudará as alternativas para corrigir a tabela do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) ao longo dos próximos dez dias. Uma nova reunião para discutir o tema foi marcada para o dia 11 de maio, às 11 horas, segundo informou o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, José Lopez Feijóo.Os sindicalistas prometem um ato pela correção da tabela, a ser realizado em São Paulo na próxima terça-feira. Segundo Feijóo, eles querem uma correção de 55,3%, sendo 39,5% correspondente à inflação do governo Fernando Henrique e 11,32% no governo Lula. O cálculo desconta a correção de 17,5% ocorrida em 2001.

Agencia Estado,

29 de abril de 2004 | 17h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.