Panes técnicas fazem Varig cancelar vôos

A Varig cancelou um vôo hoje para Buenos Aires, a partir do Aeroporto de Guarulhos, e suspendeu cinco vôos que estavam previstos durante o dia na Ponte Aérea Rio-São Paulo por conta de panes técnicos em duas aeronaves. Problemas técnicos, ainda segundo a empresa, também atrasaram em três horas partidas previstas de Guarulhos para Lima, México e Bogotá na manhã deste sábado e motivaram, ainda, um cancelamento, na noite de sexta-feira, de um vôo que partiria de São Paulo para Nova York.O balanço foi feito pela companhia aérea hoje no início da tarde. Segundo a Varig, o que ocorreu hoje foi um "movimento normal da aviação, com cancelamentos e reprogramações de vôos".Segundo a empresa, no caso dos atrasos os problemas técnicos foram identificados e resolvidos logo no próprio aeroporto. Na Ponte Aérea, contudo, a empresa suspendeu na parte da manhã cinco vôos que haviam sido programados ao longo do dia, segundo informações colhidas junto à Infraero, mantendo os demais horários.A empresa informou que um avião da Ponte Aérea sofreu uma pane e voltaria a voar quando o problema estivesse resolvido. Segundo informações da Infraero no terminal, até o início da tarde de hoje, a TAM e a Gol não haviam cancelado partidas programados no Aeroporto Santos Dunont. Já no Aeroporto Internacional Tom Jobim, a informação da Infraero era de que houve cancelamentos de vôos para Foz do Iguaçu e Brasília da Varig.A companhia informou que não ocorreu nenhum problema excepcional e que nenhum dos atrasos ou cancelamentos registrados decorreu de eventual apreensão de aeronave. Segundo a Varig, os jatos requisitados pela Boeing na Justiça americana estarão operando até a próxima terça-feira, dia de audiência na Corte de Falências de Nova York, que havia blindado a empresa contra arrestos de aviões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.