, O Estado de S.Paulo

27 de julho de 2011 | 00h00

BC eleva a taxa de juro mais do que o esperado

O banco central da Índia elevou ontem a taxa básica de juro mais que o esperado, em 0,50 ponto porcentual - o mercado esperava 0,25 -, acelerando o combate à inflação apesar da desaceleração da terceira maior economia da Ásia. O BC subiu a taxa para os bancos para 8%, tornando o BC da Índia um dos mais agressivos no combate à inflação.

ALEMANHA

Confiança do alemão é a menor em 10 meses

A confiança do consumidor da Alemanha diminuiu mais que o esperado em agosto, atingindo a menor leitura em 10 meses, em meio a preocupações sobre a crise grega. O índice antecedente do grupo de pesquisa GfK caiu pelo segundo mês seguido, para 5,4 em agosto, ante 5,5 em julho. Economistas previam uma leitura de 5,6.

ESTADOS UNIDOS

Venda de imóveis cai,mas preço sobe em junho

As vendas de imóveis residenciais novos caíram inesperadamente em junho, destacando o abrandamento contínuo no frágil setor da economia dos EUA. As vendas de residências novas recuaram 1% em junho, à taxa anual sazonalmente ajustada de 312 mil, segundo o Departamento do Comércio. Apesar da demanda fraca por novos imóveis, os preços aumentaram 7,2% em junho, para US$ 235.200, de US$ 219.500 no mesmo período do ano passado. Em bases mensais, os preços subiram 5,8%.

Retração

A Empresa de Pesquisa Energética reviu para baixo o consumo de energia no ano

3,6%

é a estimativa de crescimento do consumo de energia em 2011. A previsão anterior era de alta de 5,4%. A redução se explica pela menor demanda da indústria

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.