Para FMI, nervosismo do mercado é onda passageira

O chefe da missão do FMI que está no País para a segunda revisão do acordo, Phil Gerson, disse considerar normal o movimento dos mercados que afetaram hoje os preços dos ativos brasileiros no mercado internacional. "O mais importante é não prestar muita atenção nesses movimentos cotidianos", disse ao deixar o Banco Central no final da tarde.Para ele, o nervosismo é uma onda passageira. "A situação do Brasil é muito boa, estamos confiantes", afirmou.Ele garantiu que não está preocupado com a possibilidade de não-cumprimento das metas fiscais do Brasil com o fundo e também em relação ao cumprimento das metas de inflação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.