carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Para Mantega, alta de preços ''''acende sinal amarelo''''

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirmou ontem que a elevação dos preços de alguns alimentos, como apontam as pesquisas de inflação, ainda não causa ''''nenhum desespero''''. ''''Até agora, acendeu apenas o sinal amarelo'''', disse, lembrando que, mesmo mais alta, a inflação está abaixo do centro da meta de inflação, de 4,5%. ''''Estávamos num patamar de inflação um pouco baixo. Então, uma aproximação do centro não chega a ser algo trágico.''''O ministro disse que a turbulência internacional ainda não impactou os preços e, na verdade, trabalharia na direção de reduzi-los, à medida que a desaceleração da economia global tende a provocar queda nos preços das commodities e no consumo. Ele observou que as economias estão sempre sujeitas a variações de preços e a sazonalidades, mas que não há por que o governo se precipitar num evento que se concentra em um ou dois meses.Mantega não quis avaliar o impacto do aumento dos preços na decisão que será tomada hoje pelo Comitê de Política Monetária (Copom) a respeito da taxa básica de juros.

Renata Veríssimo e Fábio Graner, O Estadao de S.Paulo

07 de setembro de 2005 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.