Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Para Pinguelli, é a política do 'me dá um dinheiro aí'

O diretor da Coppe/UFRJ, Luiz Pinguelli Rosa, defendeu ontem posição mais ativa do governo federal na mediação da crise dos royalties. Para ele, o Rio e o Espírito Santo foram fortemente prejudicados por uma "competição oportunista e predatória" entre os Estados, com a aprovação de proposta que redistribui os recursos do petróleo, incluindo em áreas já licitadas: "É a política do 'me dá um dinheiro aí'. Trata-se de uma maluquice, uma distorção, ruim não apenas para o Rio, mas para o Brasil. O governo federal deveria assumir a liderança na disputa."/SABRINA VALLE

O Estado de S.Paulo

21 de outubro de 2011 | 03h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.