Ao lado de Temer, presidente do AçoBrasil critica governo durante evento

-15%

E-Investidor: como a queda do PIB afeta o mercado financeiro

Ao lado de Temer, presidente do AçoBrasil critica governo durante evento

Apesar de acreditar em uma melhora da economia, Alexandre de Campos destacou que ainda há problemas a serem enfrentados

Carla Araújo, O Estado de S.Paulo

22 de agosto de 2017 | 20h42

O presidente do Conselho Diretor do Instituto AçoBrasil, Alexandre de Campos Lyra, afirmou nesta terça-feira, 22, durante discurso cerimônia de abertura do Congresso AçoBrasil 2017, que o presidente Michel Temer está tentando melhorar a economia, mas destacou que ainda há muitos problemas a serem enfrentados e fez algumas críticas a medidas tomadas pelo governo.

Enquanto o presidente Michel Temer aguardava sua vez de falar, Lyra fez ainda críticas a revisão da meta e disse que é preciso “quebrar o ciclo de em que para se diminuir o déficit publico se onera o setor privado”. Lyra destacou a necessidade de o governo implementar as reformas, mas afirmou que “o grande desafio precisa ser enfrentado: fazer a atividade industrial a crescer”.

++ Relator da reforma tributária apresenta texto preliminar de PEC

Lyra ainda falou em “concorrência predatória” e citou os países asiáticos. “O que a China produz em 15 dias é o que o Brasil produz em um ano”, afirmou. Temer vai à China na próxima semana para reunião bilateral e participar do encontro dos Brics. O presidente do AçoBrasil classificou como cenário de “guerra internacional”, disse que a saída é investir na exportação, “dado que a recuperação do mercado interno é muito lenta”. 

Segundo ele, simulações indicam que o Brasil vai recuperar o nível de vendas de 2013 somente em 2028. “Considerando projeções otimistas”.

Tudo o que sabemos sobre:
China [Ásia]

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.