Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Parente diz que inflação é apenas uma bolha

O ministro-chefe da Casa Civil e coordenador das ações do governo na transição, Pedro Parente, disse hoje que a inflação mensal de 1,28% divulgada pela Fundação Instituto de Pesquisas da Universidade de São Paulo (Fiesp-USP) deve ser vista como uma "bolha inflacionária", e não como uma tendência. "Se continuar esta trajetória de redução da taxa de câmbio, a inflação vai ser apenas uma bolha e depois retoma a taxa adequada", avaliou. Parente proferiu uma palestra de balanço dos 8 anos do governo Fernando Henrique Cardoso para associados do Centro de Integração emprresa-Escola (CIEE). Em entrevista, ele criticou a estratégia de campanha do candidato derrotado do PSDB à Presidência da República, senador José Serra, por não ter destacado as conquistas da administração FHC.O ministro sustentou que a venda das ações do Banco do Brasil será mantida, apesar das restrições manifestadas por representantes do Partido dos Trabalhadores (PT). Parente também criticou a mobilização de alguns governadores eleitos pela renegociação das dívidas dos Estados e municípios com a União.

Agencia Estado,

05 de novembro de 2002 | 12h53

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.