Passeata de desempregados em Buenos Aires

Os piqueteiros (desempregados) realizarão hoje nova passeata e protestos, a partir das 15 horas, saindo do Congresso Nacional até a Praça de Maio, em frente à sede do governo, a Casa Rosada. Os organizadores estimam a participação de 100 mil pessoas no protesto "pela independência do Fundo Monetário Internacional, contra a repressão e a fome, e por empregos". Os piqueteiros estarão acompanhados pelas assembléias populares dos moradores dos diversos bairros de Buenos Aires, organismos de defesa dos Direitos Humanos, sindicalistas e partidos políticos de esquerda.Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.