Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Pastore: Pnad e Caged mostram avanços ainda que pequenos

Foram divulgados ontem dados da Pesquisa Nacional por Amostragem de Domicílios (Pnad) de 2006 e dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, o Caged. Ambos mostram claramente que o Brasil melhorou socialmente. O Pnad revela que a renda média mensal do trabalhador brasileiro cresceu 7,2%, e números do Caged destacam que a geração de empregos com carteira assinada no Brasil, no primeiro semestre de 2007, foi a maior da história. "Trata-se de um avanço significativo, mas temos que nos lembrar que a base de comparação é muito baixa", pondera o professor José Pastore da FEA/USP, especialista em questões trabalhistas.Para Pastore, é muito bom saber que a renda média cresceu, mas é ruim avaliar como. "Ela cresceu basicamente por causa do aumento do salário mínimo. No que se refere à renda da classe média, os números são minguantes, e é justamente a classe média a grande compradora de bens e serviços produzidos também pela classe média, e isso vai afetar o crescimento econômico em algum momento", analisa Pastore. Também é triste saber que ainda existem no Brasil nada menos que 14 milhões de analfabetos e, entre os letrados, apenas um terço tem do curso médio para cima completo. Por outro lado, dá algum alento, no ver do professor, ver que o crescimento de matrículas em universidades cresceu 13%. "Está é uma ótima notícia."No entanto, um rendimento médio de R$ 883,00 é ainda muito pequeno, mesmo se considerando que ele é fruto de um crescimento maior que o PIB. "A melhora no Brasil é muito lenta em comparação ao que acontece com outros países emergentes, que, nos últimos dez anos, deram uma arrancada significativa em termos de renda e de educação. China e Índia, por exemplo, mais o Leste Europeu têm melhorado em proporções geométricas, o que não acontece por aqui." Mas Pastore não tira o mérito dos avanços registrados e atira: "Poderíamos ter piorado, ou estagnado, o que seria muito pior. Em dez anos, o Brasil exibirá uma nova face se continuar crescendo 5% ao ano", receita o professor.IMPRESSÃO DIGITALNildemar Secches confirma. A Perdigão vai assinar, segunda-feira, na cidade de Bom Conselho, em Pernambuco, com o governo do Estado um protocolo de intenções para construir ali uma nova unidade orçada em nada menos que R$ 280 milhões, no que se configurará no maior complexo agroindustrial do Nordeste. Basicamente, vão fabricar ali leite e seus derivados, aprofundando a estratégia da empresa - dona hoje da Batavo - neste setor. O que não significa que não vão produzir também a linha tradicional da Perdigão, como salsichas, lingüiças e mortadelas. Por que Nordeste? "A região está crescendo mais do que a média nacional", diz Secches.NA FRENTEANOS-LUZO anúncio, desta semana, da EPE, de que a licitação para as usinas do Rio Madeira foi adiada para outubro, entusiasmou alguns interessados nos projetos.Pedem agora que este adiamento seja estendido para dezembro. PARCERIAConsta que existe um acordo entre Andrade Gutierrez e Odebrecht no Rio Madeira. Aonde um for, o outro iria também.BEM ESCRITOTanto o BMG como o Itaú desmentiram, esta semana, que estão em conversações para que o Itaú compre o BMG. No entanto, para um bom leitor, o desmentido do Itaú deixa brecha para que, se for efetuada a compra, a CVM não tenha do que reclamar. Afinal, gregos, troianos, marcianos e brasileiros sabem da vontade do Itaú de comprar o banco da família Guimarães.ONLINEO Banco Votorantim está entrando no segmento de cartões de crédito.Apesar da concorrência, larga com três milhões de clientes no cadastro da BV Financeira.DEMANDAOpinião do diretor de pesquisas e estudos econômicos do Bradesco, Octávio de Barros, sobre a Ata do Copom: "Com toda a discussão atual em torno dos preços dos alimentos, é preciso notar que essa (e muito menos fatores específicos, como a alta do leite) não é a fonte principal de preocupação do BC. A questão não é se o preço do leite vai cair até dezembro ou no início de 2008, mas sim se a trajetória prospectiva para a inflação será afetada, em especial do núcleo da inflação."BOCÃOO BNP está de olho no Pine Bank.BAIXA RENDAO Programa de Arrendamento Residencial já esgotou sua verba de R$ 650 milhões para este ano. E, pior, segundo José Carlos Molina, do SindusCon-SP, não há previsão de nova verba nem para este ano nem para os próximos anos, e já existem, na CEF, novos projetos para o PAR que somam R$ 1,9 bilhão. SAÚDE EMPRESARIALA 15ª Maratona Pão de Açúcar de Revezamento, dia 23, atrai, cada vez mais, a participação de empresas. A Unilever inscreveu 608 funcionários; o Unibanco, outros 470; o Itaú, nada menos que 744; e a HP, 540.Mas recorde de inscrições mesmo é do próprio Grupo de Abílio Diniz, que entra na competição com quase 3 mil funcionários...CURTASA empresa inglesa Northern Rock - quinta no ranking de quem faz hipotecas - teve que ser socorrida ontem pelo Banco da Inglaterra. Uma corrida gerou uma sangria de 2 bilhões de libras, 4% da sua base de depósitos, e gerou uma queda de 30% no preço de suas ações. É a contaminação do subprime americano se alastrando. Alcides Amaral, ex-presidente do Citibank/Brasil, lança segunda-feira seu blog, no qual vai colocar artigos, comentários e notas semanalmente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.