Paulistanos terão reajuste no IPTU

O Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) terá reajuste entre 5,5% e 6% no ano que vem. O prefeito Celso Pitta aguarda o fechamento do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), índice que será utilizado como referência para definir o reajuste.Até o ano passado, o IPTU era reajustado pela Unidade Fiscal de Referência (Ufir). O prefeito já havia enviado projeto à Câmara para atualização do valor do imposto em 6% quando o índice foi extinto, em setembro. Agora, tem até o dia 31 para enviar à Câmara a definição do novo índice. Se perder o prazo, o IPTU de 2001 fica automaticamente igual ao de 2000. De acordo com Ricardo Anauate, diretor do Departamento de Rendas Imobiliárias da Prefeitura, a demora na definição do reajuste não irá atrasar a remessa dos boletos para o pagamento. A primeira parcela, para quem optar pelo pagamento mensal, vence em janeiro de 2001. "O sistema fica todo pronto, com os outros dados impressos, faltando apenas o valor", diz.

Agencia Estado,

12 de dezembro de 2000 | 19h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.