coluna

Dan Kawa: Separar o ruído do sinal é a única forma de investir corretamente daqui para a frente

Paulistas preferem bebidas não-alcoólicas

A Associação Paulista de Supermercados (Apas) divulgou nesta quinta-feira a prévia de uma pesquisa elaborada pelo instituto AC Nielsen que mostra o mercado de consumo na Grande São Paulo e interior paulista. Alguns dados do estudo documentam diferenças de comportamento entre as duas regiões e demais Estados do País.Enquanto o volume de bebidas alcoólicas cresceu 4,9% no Brasil entre abril de 2001 e março de 2002, comparado a igual período de 2000/2001, na Grande São Paulo o segmento registrou queda de 0,4% e no interior paulista 0,3%.Os paulistanos mostram uma preferência nesta categoria (bebidas) por produtos não-alcoólicos (água, suco e refrigerante). Enquanto o consumo de não-alcoólicos cresceu 4,9% no País no mesmo período de comparação, em São Paulo a categoria subiu 14,7%. No interior paulista a alta chegou a 7,2%.Já no ramo de perecíveis, o volume de vendas na Grande São Paulo cresceu 2,6% e no interior, 0,1%. Em compensação, no âmbito nacional, o segmento registrou um aumento de 7,2% no volume de vendas.No segmento de higiene, saúde e beleza, o País mostrou um aumento de consumo de 0,7%. Em São Paulo, esta categoria teve uma alta de 2,9% e, no interior, uma queda de 3,1%.No ramo de produtos de limpeza, o consumo nacional cresceu 0,7%, enquanto em São Paulo o segmento cresceu 6,4% e no interior, uma queda de 2,2%.A íntegra da pesquisa da AC Nielsen será conhecida durante a Apas 2002, que acontecerá entre os dias 20 e 23 de maio, no Expo Center Norte, em São Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.